Conto desconhecido de Dashiell Hammett é reeditado nos Estados Unidos

DO CRIADOR DE SAM SPADE – “The glass that laughed” (O vidro que riu, tradução livre) é um conto praticamente desconhecido de Dashiell Hammett que foi originalmente publicado na revista True Police Stories em novembro de 1925, quando o autor tinha 31 anos. A edição logo desapareceu com o tempo, desfalcando até hoje a bibliografia do criador de clássicos como O falcão maltês e O Continental OP.

A notícia foi publicada no jornal Washington Post, que revelou que a neta de Hammett, a atual administradora do legado do avô, foi informada através de um grupo dedicado a ele no Facebook sobre a existência do misterioso conto. Segundo o jornal, um bombeiro chamado Daniel Robinson comprou uma cópia da revista de 1925 em um leilão e logo identificou a história assinada por Hammett. Intrigado, entrou em contato com Kevin Burton Smith, criador do site The Thrilling Detective Web Site, que o ajudou a confirmar que o conto era verídico e que realmente havia se perdido no tempo. Foi então que entraram em contato com a neta do escritor, que comprou a revista de Robinson.


 

Segundo o biógrafo de Hammett, Richard Layman, o autor passava por problemas financeiros quando escreveu “The glass that laughed”, muito tempo antes de publicar os livros que o consagrariam. O conto foi reeditado pela editora independente Electric Literatura, tem 17 páginas e já está disponível pela Amazon, mas apenas em inglês.

 

Compartilhe aqui!
  • 22
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Que tal assinar a nossa newsletter?

Holler Box