cinema

TOP 5 filmes policiais


De antemão, aviso desde já que se trata de uma coluna arbitrária onde o autor tem total responsabilidade para escolher OS SEUS – não é nada definitivo, posto que tem sempre um bom filme policial saindo por mês, mas ATÉ AGORA esses foram meus preferidos. Obrigado, de nada.

x

1. Killer Joe
killer

Dirigido por William Friedkin, o homem por trás de Operação França e O Exorcista, “Matador de Aluguel” (Killer Joe, em inglês) é estrelado por Matthew McConaughey e baseado numa peça escrita em 1991 por Tracy Letts, mais tarde vencedor do Pulitzer.

Desejando se apossar de uma apólice milionária, um pai e seus filhos problemáticos decidem contratar o tal matador Joe do título (McConaughey, irreconhecível) para assassinar a ex-mulher deste – mãe da menina autista e do rapaz sem perspectivas. Um filme arrebatador que não poupa o espectador de nada. Destaque especial para a cena do KFC e o final arrebatador.

x

2. O lobo atrás da porta
lobo

Estrelado por Leandra Leal e Milhem Cortaz, e escrito e dirigido por Fernando Coimbra, esse longa parte da premissa da Fera da Penha, conhecido caso policial dos anos 1960, para descortinar o Rio de Janeiro como uma cidade cheia de pecados, principalmente no subúrbio. Quando um fiscal de ônibus casado se envolve com Rosa, uma jovem bonita e sensual, sua vida gira de cabeça pra baixo. Marcado por planos-sequência longos e uma estética belíssima, o filme possui um dos finais mais acachapantes e vem abocanhando dezenas de prêmios – merecidamente.

x

3. Sunset Boulevard
deuses

Clássico dos clássicos, “Crepúsculo dos Deuses” (Sunset Boulevard, em inglês), de Billy Wilder, resgata toda a fauna que permeava o cinema hollywoodiano nos anos 20. De Buster Keaton a Erich Von Stronheim, essa pérola é estrelada por Gloria Swanson e William Holden e narra a odisseia de tragédias de um roteirista falido que se envolve com uma atriz decadente. Numa atmosfera terrible noir, Wilder vai te envolvendo até o ponto em que a loucura de Norma Desmond se confunde com a própria loucura do cinema. Recheado de frases emblemáticas – Mr. DeMille, I’m ready for my close-up é a mais famosa –, Sunset Boulevard é obrigatório para quem deseja conhecer de uma só tacada o cinema clássico & métodos para fazer um bom filme noir.

x

4. Pulp Fiction
pulp

Os anos noventa já eram loucos o suficiente, mas Quentin Tarantino precisava realizar algo que o colocasse na rota definitiva de Hollywoodland. Inspirado pelas revistas vagabundas dos anos 1930/1940, o americano ex-clerk-de-videolocadora se mandou para Amsterdã e escreveu um roteiro de clichés onde nada é cliché. Misturando todos os personagens pertinentes ao gênero policial – do matador de aluguel à mulher do chefe, passando pelo boxeador e o solucionador de tretas –, Tarantino conseguiu criar um universo único de violência e lirismo onde a única certeza é estar apreciando um bom filme.

x

5. Sherlock Holmes
basil

Ok, aqui eu vou trapacear um pouco, mas vocês já vão entender.

Se por um lado eu ODEIO ler Sherlock Holmes por achar fake demais, por outro sempre gostei de ver os filmes… dos anos 1940. Na cinessérie que durou 14 installments, Basil Rathbone provou ser o Sherlock definitivo mesclando a argúcia dos livros com seu próprio pedantismo. Já famoso por filmes de capa-e-espada, Rathbone é lembrado até hoje como o melhor Holmes de todos. Se hoje temos em Benedict Cumberbatch uma visão cínica e egocêntrica, muito se deve a Rathbone e seu Holmes completamente despretensioso e sarcástico. Acompanhado de Nigel Bruce como um Watson muito perto do ideal, Basil atuou até 1946 em filmes que adaptaram histórias clássicas e criaram um frescor próprio para uma série que poderia muito bem ter ficado engessada no tempo.

x

Meu ato de escolher todos os 14 como um quinto item de TOP5 não passa de uma homenagem: ao meu ator favorito, a vários desses 14 filmes, ao Sherlock definitivo e, principalmente, ao cinema clássico.

(Imagens: divulgação)

mateus1

Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s