netflix

NETFLIX | The Keepers, who killed Sister Cathy?


Mistérios da ficção sempre nos cativam. Mistérios da realidade, então, costumam ser ainda mais envolventes. Quando juntamos uma dose de religião, corrupção policial, histórias mal contadas e casos não resolvidos, pronto, eis a receita para um suspense que fará você ficar pregado no seu sofá durante algumas horas. Pelo menos, foi assim comigo. No último dia 19 de Maio, o famoso serviço de streaming Netflix disponibilizou mais uma série documental, esta com sete episódios com cerca de uma hora de duração.

 

No melhor estilo do sucesso Making a Murderer – outra série original do Netflix lançada em dezembro de 2015, sobre a qual já falamos por aqui -, a série documental The Keepers promete fazer sucesso, levantar a poeira e tirar alguns esqueletos católicos do armário.

 

Baseada principalmente no mistério envolvendo o assassinato da Irmã Cathy Cesnik em novembro de 1969, o documentário dividido em sete partes é muito mais. Estamos falando de diversos casos de abusos sexual cometidos em uma escola católica em Baltimore, no estado de Maryland, nos Estados Unidos, de denúncias envolvendo padres pedófilos e perguntas sem resposta. Impunidade, decepção, tristeza, raiva e desejo de justiça caminham lado a lado.

Cathy Cesnik tinha 26 anos quando foi assassinada e era professora na Archbishop Keough High School, em Baltimore. Na noite de 7 de novembro de 1969, Cathy desapareceu e o seu corpo foi encontrado apenas dois meses depois, no dia 3 de janeiro de 1970, abandonado em um terreno utilizado como depósito de lixo e entulho. Desde então, a sua morte nunca foi esclarecida e os culpados nunca foram identificados. A noite do seu desaparecimento e as circunstâncias de sua morte guardam muitos segredos.

No entanto, mais de quarenta e cinco anos após a sua morte, algumas pessoas ainda buscam respostas. É nesse contexto de investigações independentes e revelações que nos encontramos ao assistir The Keepers. Ao longo dos sete episódios, acompanhamos o trabalho de duas alunas aposentadas da Irmã Cathy, Gemma e Abbie que, há alguns anos, resolveram investigar a morte da professora que tanto admiravam por conta própria. Mas, logo percebemos que não se trata apenas de um assassinato não resolvido.

Ao entrarmos no universo de circunstâncias envolvendo a morte de Cathy, começamos também a elaborar nossas próprias teorias e, ao assistirmos aos relatos de vítimas de abuso sexual por um padre corrompido, nos vemos mergulhados, pouco a pouco, em um cenário de conspiração e queima de arquivo.

Quem matou a Irmã Cathy Cesnik? Por que a investigação nunca chegou a lugar algum? Por que, tanto anos depois, o mistério continua sem resposta? Teria a Igreja Católica atrapalhado as investigações de alguma forma? A polícia de Baltimore seria capaz de acobertar uma série de crimes?

A ligação do assassinato de Cathy a uma série de abusos sexuais cometidos pelo Padre Joseph Maskell na década de 60 é o mote da série. Temos acesso a depoimentos, documentos, áudios, vídeos, notícias de jornais e relatos das vítimas. São belos cenários, uma boa produção e aquele “quê” constante de “o que vai acontecer meu deus do céu?”. The Keepers é mais uma bela série original do Netflix e, além de se tratar de um mistério cativante, pode contribuir para que um tema tão importante como o abuso sexual de menores não fique debaixo do tapete. Recomendo.

 

Assista ao trailer oficial

 

(Imagens: Divulgação)

Anúncios

1 reply »

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s