O Iluminado é uma obra-prima de Stephen King

Por Ana Paula Laux – “O Iluminado” é o terceiro livro de Stephen King, publicado em 1977 nos Estados Unidos. Três anos depois, o livro virou filme pelas mãos do diretor Stanley Kubrick, numa adaptação que King, particularmente, detesta.

No livro, Jack Torrance é um professor que tenta se firmar como escritor e superar o alcoolismo. Após ser demitido da escola onde lecionava, é oferecido a ele o emprego de zelador no tradicional hotel Overlook, um resort no Colorado que fica fechado durante a baixa temporada, no inverno, quando as estradas ficam bloqueadas com montanhas de neve. Sem perspectivas na profissão e tentando salvar seu casamento, ele acaba aceitando o emprego para terminar de escrever um livro e dar uma nova oportunidade de vida para sua família, a esposa Wendy e o pequeno Danny, que é o “Iluminado” do título. Mas o que seria um iluminado?

 

 

Segundo o autor, seria alguém sensitivo e que apresenta habilidades psíquicas. No caso do Danny, a sensibilidade psíquica se manifesta de forma intensa e ele consegue enxergar coisas que aconteceram no passado, ter premonições e ler o pensamento das pessoas. E o que ele enxerga, mesmo antes de colocar os pés no famoso hotel, é bastante assustador, visto que o Overlook é um hotel com décadas de história e de tragédias acumuladas. O que se segue é que a família Torrance muda-se para o hotel e, lentamente, coisas inexplicáveis começam a acontecer, influenciando e testando principalmente a sanidade de Jack. As três pessoas ficam isoladas dentro de um hotel enorme, vazio, ouvindo barulhos pelos corredores, ouvindo coisas dentro do elevador, vendo coisas estranhas dentro dos quartos, e sem ninguém pra recorrer. O livro tem outro personagem importante que é o cozinheiro do hotel – que também é iluminado mas num grau menor do que o de Danny (eles se reconhecem nessa habilidade, inclusive). O nome dele é Halloran e ele tem um papel decisivo na história.

 

“Coisas terríveis acontecem no mundo,
e são coisas que ninguém pode explicar.”

 

Confesso que, mais pro final da história, fiquei com medo desse livro. O modo como King descreve o mal que vive no hotel é de arrepiar, como ele se pronuncia, insidioso, persuasivo, e como vai levando as pessoas à loucura. Mesmo conhecendo a história pelo filme do Kubrick a leitura não me cansou em nenhum momento e eu me surpreendi no final, pois na adaptação para o cinema o fim é bem diferente do livro, uma questão polêmica entre os fãs do autor.

“O Iluminado” foi escrito numa época muito difícil da vida do Stephen King, quando ele próprio lidava com alcoolismo e drogas. O autor chegou a confessar, inclusive, que Jack Torrance foi seu personagem mais autobiográfico, pois os dois lutam contra seus demônios para buscar alguma sanidade na vida, um na ficção e outro na vida real.

 

Outra curiosidade é que o livro foi inspirado num hotel de verdade, o Hotel Stanley, fundado em 1909 no Colorado, perto do Parque Nacional das Rochosas, em Estes Park. Foi um lugar onde o King se hospedou com a esposa Tabitha em 1974, e lá teve a inspiração para a história. Dizem que o hotel é mesmo mal assombrado e ele obviamente virou um ponto turístico depois do grande sucesso do livro. Já pensou se hospedar lá?

 

Assista ao vídeo

Título: O Iluminado
Autor: Stephen King
Tradução: Betty Ramos de Albuquerque
Editora: Suma
Páginas: 520
Este livro no Skoob

SINOPSE – O lugar perfeito para recomeçar, é o que pensa Jack Torrance ao ser contratado como zelador para o inverno. Hora de deixar para trás o alcoolismo, os acessos de fúria e os repetidos fracassos. Isolado pela neve com a esposa e o filho, tudo o que Jack deseja é um pouco de paz para se dedicar à escrita. Mas, conforme o inverno se aprofunda, o local paradisíaco começa a parecer cada vez mais remoto… e sinistro. Forças malignas habitam o Overlook, e tentam se apoderar de Danny Torrance, um garotinho com grandes poderes sobrenaturais. Possuir o menino, no entanto, se mostra mais difícil do que esperado. Então os espíritos resolvem se aproveitar das fraquezas do pai… Um dos livros mais assustadores de todos os tempos, O iluminado é uma das obras mais consagradas do terror.

Compartilhe aqui!
  • 115
    Shares

Ana Paula Laux

Jornalista. Trabalha com curadoria de informação, gestão de mídias sociais e criação de conteúdo digital. Em 2014, lançou o e-book "Os Maiores Detetives do Mundo" (Chris Lauxx).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Que tal assinar a nossa newsletter?

Holler Box