Os artistas do crime, de Ngaio Marsh

ngaio_artistas

 

Por Ana Paula Laux – “Os artistas do crime” é um romance policial de 1938 escrito por Ngaio Marsh, uma das damas da Era de Ouro da literatura policial (se você nunca ouviu falar nela, leia 5 fatos sobre a autora aqui). Ngaio escreveu mais de trinta romances com o detetive Roderick Alleyn, um policial do tipo dedutivo bem nos moldes de Hercule Poirot e Peter Wimsey. Este é o sexto livro em que ele aparece.

Aqui temos um grupo de artistas que se reúne com Agatha Troy para praticar técnicas de pintura e escultura no estúdio da casa da pintora. Troy é supostamente uma pintora de prestígio e vai aparecer em vários livros de Ngaio pois irá se casar com o detetive Alleyn, mas de fato essa é sua estreia na série. Entre o grupo de artistas está Sonia, cuja função é posar estática e nua por horas a fio durante as aulas práticas do grupo (o que me leva a pensar que é uma inserção bem liberal e legal para um livro de 1938).

O mistério começa justamente com o assassinato de Sonia, após ela ter uma faca cravada nas costas ao deitar na posição de pose (eu sei, é meio complicado). Alguém escondeu o objeto de lâmina bem fina por baixo do banco onde a modelo ficaria, e como suas posições eram sempre marcadas com giz no estrado, o assassino pode posicionar a faca para que ela atingisse o coração. Todos os alunos do curso são suspeitos, é claro, e cabe ao detetive Alleyn resolver o caso.

A história tem um estilo clássicão inocente, eu diria, entre diálogos amorosos desajeitados e um final com vários suspeitos reunidos num mesmo ambiente para que o detetive enquadre o culpado. Roderick ensaia momentos risíveis, por exemplo quando troca ideias com a própria mãe sobre o assassinato, um caso sob a responsabilidade da Scotland Yard. O ambiente das telas, cavaletes e argilas é descrito de uma forma visual por Ngaio (fiquei com a impressão de que ela própria gostava de pintar), mas o final não é tão revelador.

Pra quem gosta de policiais antigos, Ngaio é uma autora bem representativa e é sempre legal conhecer obras que influenciaram uma época. O livro é interessante por apresentar a personagem Agatha Troy, mas não empolga tanto.

star2

ngaioTítulo: Os artistas do crime
Autora: Ngaio Marsh
Editora: Abril
Páginas: 205
Ano: 1938
Este livro no Skoob

SINOPSE: Um encontro casual num navio apresenta Roderick Alleyn, da Scotland Yard, à pintora retratista Agatha Troy. Mas a intriga começa, na verdade, com o assassinato da modelo de Troy e qualquer um dos seus alunos pode ser o criminoso. Uma trama repleta de ódio, chantagem e inveja.

ana2

Compartilhe aqui!
  • 14
    Shares

Ana Paula Laux

Jornalista. Trabalha com curadoria de informação, gestão de mídias sociais e criação de conteúdo digital. Em 2014, lançou o e-book "Os Maiores Detetives do Mundo" (Chris Lauxx).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Que tal assinar a nossa newsletter?

Holler Box