stieg larsson

Lisbeth Salander: personagem fascinante da literatura


lisbeth_rindo

 

Por Wilson Brancaglioni – A Trilogia Millennium, do aclamado escritor Stieg Larsson, formou uma das melhores personagens da literatura. Uma hacker chamada Lisbeth Salander, cuja aparência é de uma menina frágil e indefesa, mostrou ao longo dos romances que estávamos totalmente enganados.

pippiA construção de Lisbeth Salander foi baseada na personagem de livros infanto-juvenis Pippi Meialonga, cuja história é de uma menina que mora numa casa sozinha na Villa Villekulla.

… uma jovem pálida, de magreza anoréxica, com cabelos quase raspados e piercings no nariz e nas sobrancelhas. Tinha a tatuagem de uma vespa no pescoço e uma faixa tatuada ao redor do bíceps do braço esquerdo. […] ela tinha uma tatuagem maior na omoplata, representando um dragão. Originalmente ruiva, tingira os cabelos de preto. […] Tinha vinte e quatro anos, mas parecia ter catorze.” (LARSSON, S. 2005, p. 42)”.

Lisbeth Salander é uma das personagens mais fascinantes que já li. Ela que foi oprimida e subjugada por querer proteger a mãe de um pai cuja violência era desmedida. Foi jogada num hospital psiquiátrico, cuja sentença estava confirmada e provavelmente de lá nunca mais sairia.

De um pai violento e a permanência num hospital psiquiátrico surge como uma fênix, uma mulher que não confia em ninguém, não acredita em nada e é dona de si mesma.

A tecnologia, mais precisamente a Internet, a salva de um futuro condenado. Inteligente e com memória fotográfica, presta serviços para uma empresa de espionagem corporativa.

Como diria Zygmunt Bauman em Modernidade Líquida, Lisbeth Salander é fluída e sem fronteiras, exatamente como a Internet proporciona. É difícil defini-la, inclusive no quesito sexualidade, pois ela transita de forma líquida em duas fronteiras, homem e mulher.

Ela vive à margem da sociedade e utiliza a Internet para navegar pelos misteriosos e obscuros caminhos de uma sociedade que com certeza não a aceitaria.

lisbeth_corpoLisbeth parece frágil e indefesa, porém, é uma mulher que faz justiça utilizando os meios tecnológicos. Não mede esforços para conseguir a sua justiça. As marcas que os homens fizeram nela são vítimas de sua vingança e faz questão de subjugá-los e lembrá-los que ela estará vigiando cada passo de seus algozes.

A impressão que tenho é que cada tatuagem que possui, ou mesmo os piercings, são referências às lutas que teve durante a sua vida. Uma marca para lembrá-la dos tempos difíceis.

Lisbeth Salander é uma personagem muito difícil de entender, afinal, passou por vários momentos terríveis que culminariam em visitas a psiquiatras e psicólogos, no entanto, uma força desconhecida moveu essa personagem de modo que ela fosse cultuada pela força que possui.

Lisbeth Salander é a representante de uma nova mulher que rompe as amarras do machismo e libera uma força desconhecida pelos homens, que terão que aprender a viver com esse novo modelo de mulher. Adoro essa personagem.

(Imagens: Fanpop, divulgação)

WILSON BRANCAGLIONI - Formado em Letras e bancário por profissão. Tem 39 anos e ama livros. Um dos gêneros preferidos é a literatura policial. Site: Estante do Wilson

As opiniões e resenhas publicadas no literaturapolicial.com não necessariamente refletem a opinião do site. Elas são de responsabilidade pessoal dos seus autores.

Anúncios

3 replies »

  1. Adoro essa personagem, com seu lado sombrio e sua inteligência, acabou sendo o centro das atenções, dos livros e dos filmes. A respeito das tatuagens, também concordo, cada uma tem seu significado ligado á seus atos e consequências do passado.
    Parabéns pelo belo texto.
    Adorei o Blog!!!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s