Conhecendo o memorial Agatha Christie em Londres

Por Ana Paula Laux – Na minha primeira viagem à Inglaterra, planejei fazer três coisas especiais: visitar o museu Sherlock Holmes, conhecer a casa de Agatha Christie em Torquay e o memorial dedicado a ela em Londres. A única visita que não consegui fazer foi à casa pois o lugar, que virou museu, estava fechado naquela semana. Mas o memorial eu vi. E foi tão emocionante!

Sou fã de Agatha Christie e de seus livros desde adolescente, então esse passeio foi um momento muito especial pois me despertou várias lembranças. Os livros de Agatha fizeram parte de quase todas as fases da minha vida, e por eles guardo um enorme carinho.

 

O memorial foi inaugurado em 2012 na esquina das ruas Cranbourn e Great Newport, perto da região de Covent Garden. Nós fomos andando desde a estação Picadilly Circus para curtir o passeio. Aquela localidade abriga muitos teatros e instalar a estátua lá foi uma escolha para homenagear a peça “A Ratoeira”, praticamente um patrimônio de Londres, em cartaz desde 1952. Segundo consta na Wikipedia, Agatha também foi a primeira escritora a ter três peças em cartaz ao mesmo tempo em West End. Ela não é maravilhosa?

Chegando perto à esquina onde deveria estar a estátua eu já estava impaciente, já que ainda não havia nem sinal da dita. Muitos carros, muita gente caminhando nas ruas, e eu enxergo tão bem quanto o Mr. Magoo, tem mais essa. Foi praticamente do nada que me aproximei e, subitamente, abriram-se as portas do paraíso e anjinhos caíram do céu tocando harpas e trombetas. Eu vi!

A estátua de bronze tem o formato de um grande livro, com o busto de Agatha encaixado na parte superior central, em perfil, acompanhada das imagens de Poirot e Miss Marple, seus personagens mais famosos. Havia um grupo de adolescentes trajando jaquetas laranja e pedindo contribuições para algum fim nessa mesma esquina. Eles estavam bem próximos à estátua, mas não pareciam se importar tanto com isso. Na hora me pareceu um sacrilégio! Brincadeiras à parte, um dos meninos até perguntou se queríamos ajuda com as câmeras (acho que ele viu que eu quase chorei de emoção e não entendeu muito bom o porque, mas de qualquer forma foi muito gentil).

Num dos lados também aparecem nomes de vários livros famosos de Agatha, além da assinatura dela em destaque. Passei vários minutos olhando para a estátua, parecia que estávamos só eu e ela ali naquela esquina agitada, com carros e ônibus vermelhos rasgando o asfalto, pessoas andando apressadamente para chegar ao trabalho e turistas desavisados fugindo do frio. O tempo parou mesmo. Lá estava ela, Agatha Christie toda poderosa e dona da brincadeira ainda. E lá estava eu, tentando guardar para sempre na memória a sensação de ter realizado esse sonho.

 

Galeria de fotos

Compartilhe aqui!
  • 220
    Shares

Ana Paula Laux

Jornalista. Trabalha com curadoria de informação, gestão de mídias sociais e criação de conteúdo digital. Em 2014, lançou o e-book "Os Maiores Detetives do Mundo" (Chris Lauxx).

Um comentário em “Conhecendo o memorial Agatha Christie em Londres

  • fevereiro 23, 2018 em 12:12 pm
    Permalink

    aaah, que sonhooo *_*

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Que tal assinar a nossa newsletter?

Holler Box