MINDHUNTER | 10 fatos sobre David Berkowitz, o Filho de Sam

A 2ª temporada de Mindhunter vai estrear este ano, trazendo finalmente de volta os detetives do FBI Holden Ford e Bill Tench, além da psicóloga Wendy Carr.

Nesta temporada, já se sabe que serão abordados pelo menos três casos muito conhecidos da criminologia norte-americana. São eles os casos de Charles Manson, Wayne Williams e David Berkowitz, este último um serial killer que ficou conhecido como Filho de Sam, apavorando a cidade de Nova York com seus crimes.

Conheça 10 fatos sobre Berkowitz, que serve seis penas de prisão perpétua nos Estados Unidos.

 

1. Matou seis pessoas

David Berkowitz é acusado de ter matado seis pessoas entre 1976 e 1977 em Nova York. Ele seria responsável ainda por ferir outras sete pessoas com um revólver Charter Arms Bulldog calibre 44.

 

2. Era carteiro

Quando foi preso, em 10 de agosto de 1977, Berkowitz trabalhava como carteiro.

 

3. Alegava ser membro de um culto satânico

Uma de suas linhas de defesa foi dizer que foi influenciado por um culto satânico, o qual teria sido membro na década de 1970. Nesse caso, Berkowitz não teria cometido todos os crimes sozinho. A polícia chegou a investigar a hipótese, mas nada foi provado.

 

4. Primeira morte foi em 1975

Em confissão, Berkowitz disse que a primeira pessoa a ser atacada por ele foi uma mulher religiosa em 1975. Ela jamais foi identificada, pois o assassino se recusou a revelar mais detalhes sobre o crime.

 

5. Houve muito sensacionalismo

Um dos motivos pelo qual os crimes são lembrados até hoje foi pelo teor sensacionalista da imprensa na época. Como é o exemplo do New York Post, jornal recém comprado por Rupert Murdoch e que explorou intensamente o caso na mídia.

 

6. A carta em que ele se apelida

A imprensa o apelidou de calibre 44, calibre Killer e calibre 44, mas ele não gostou do nome, já que se auto-apelidou “Filho de Sam”. O nome constava em uma carta encontrada perto da cenas de um dos crimes, e estava endereçada ao Departamento de Polícia de NY. Nela, o autor insultava a polícia, dizia ser um monstro e gostar de beber sangue para sair e matar. Havia ainda detalhes descritos na carta que só o assassino saberia. O vice inspetor de polícia, Timothy Joseph Dodd, liderou a força-tarefa para capturar Berkowtiz, contando com 300 oficiais uniformizados. O que não foi impedimento para que o assassino atacasse novamente.

 

7. Perfil psicológico

Em 1977, a polícia de Nova York definiu o assassino como uma pessoa paranoica e esquizofrênica. Agentes federais foram colocados em pontos na rua para monitorar a possível presença do serial killer. Esta talvez seja uma das cenas reconstituídas em Mindhunter.

 

8. Pânico em NY

Como a polícia não conseguia identificar o assassino, a população ficou desesperada. O que resultou em muita gente evitando sair de casa no verão de 1977, mesmo que estivessem fazendo dias encalorados nas ruas.

 

9. Agora ele é cristão

Na prisão, David Berkowitz se converteu ao cristianismo e trabalha em um programa criado para auxiliar internos que lutam contra doenças mentais. Ele teve oportunidade de pedir liberdade condicional, mas recusou em todas as vezes porque acredita que suas ações foram tão sérias ao ponto de não achar possível sair da prisão.

 

10. Lei Filho de Sam

A lei Son of Sam (Filho de Sam) é uma lei destinada a impedir que criminosos lucrem com a publicidade de seus crimes, muitas vezes vendendo suas histórias para editores. Neste caso, o Estado passa a ser autorizado a usar o lucro de biografias e filmes para compensar as vítimas do criminoso. A lei também proíbe a venda e o lucro de recordações de homicídios associados a crimes.

 

[Fonte: Wikipedia, Listland]

Ana Paula Laux

Jornalista. Trabalha com curadoria de informação, gestão de mídias sociais e criação de conteúdo digital. Em 2014, lançou o e-book "Os Maiores Detetives do Mundo" (Chris Lauxx). Contato: analaux@gmail.com
Compartilhe aqui!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Ana Paula Laux

Jornalista. Trabalha com curadoria de informação, gestão de mídias sociais e criação de conteúdo digital. Em 2014, lançou o e-book "Os Maiores Detetives do Mundo" (Chris Lauxx). Contato: analaux@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!